Módulos / Treinamento
Voltar

 

Módulo de Treinamento

Módulo 3 - Os Inimigos da Vigilância

Este módulo mostra as estratégias para reduzir riscos e falhas no serviço e as medidas preventivas contra desatenção e o cansaço no trabalho e tem como objetivo eliminar ou reduzir riscos que afetem a segurança, mantendo funcionários responsáveis pela vigilância e triagem de pessoas, mercadorias e veículos sempre atentos e proativos, além de mostrar aos funcionários as causas da desatenção e do cansaço e as estratégias para manter o colaborador atento e focado no fiel cumprimento das normas de seguranças.

DVD 1 - Estratégias para reduzir riscos e falhas no serviço

Clique para assistir

Objetivos
Eliminar ou reduzir riscos que afetem a segurança, mantendo funcionários responsáveis pela vigilância e triagem de pessoas, mercadorias e veículos sempre atentos e proativos.

Grade Curricular
- Posturas que devemos evitar:
  a) Imprudência
  b) Imperícia
  c) Negligencia
- Erros não são frutos do acaso
- Conceituando “segurança”
- Falhas no cotidiano do serviço são causados:
  a) Fatores conhecidos
  b) Fatores previsíveis
  c) Fatores controláveis
- A responsabilidade do funcionário no controle de acesso de:
  a) Pessoas
  b) Veículos
  c) Mercadorias
- Disfarces dos marginais nas invasões a prédios e empresas:
  a) Carteiro
  b) Policial
  c) Prestador de serviço
  d) Entregador
- Os inimigos da segurança:
  a) Cansaço
  b) Desatenção
- Para cada falha procedimental existe um motivo, que deve ser apurado
- Refletindo sobre as causas do problema
- Incidente: toda ocorrência não desejada
- Caracterizando as falhas:
  a) Esporádicas
  b) Sistemáticas
- Lapsos e deslizes ligados ao comportamento rotineiro do trabalho
- O erro do funcionário pode ocasionar:
  a) Omissão dos incidentes
  b) Falha na memória
  c) Erro na avaliação
  d) Falta de conhecimento de um procedimento
  e) Excesso de confiança
- Fatores que contribuem para falhas do funcionário:
  a) Cansaço
  b) Sonolência
  c) Desatenção
- Monotonia do trabalho e a queda da vigilância
- Rotina do trabalho colaborando para a distração e desatenção do colaborador
- Sinais nítidos da desatenção:
  a) Desviar os olhos enquanto o outro fala
  b) Mudar de assunto sem dar ouvidos à última frase do interlocutor
  c) Conversar com um terceiro enquanto outra pessoa está ainda falando
- Profissional desatento pode ser digno de confiança?

(Inclui teste de avaliação para participantes e material didático para acompanhamento do treinamento)

 

DVD 2 - Medidas preventivas contra desatenção e o cansaço no trabalho

Clique para assistir

Objetivos
Mostrar aos funcionários as causas da desatenção e do cansaço e as estratégias para manter o colaborador atento e focado no fiel cumprimento das normas de seguranças.

Grade Curricular
- Fatores causadores de desatenção que reduzem a concentração:
  1) Preocupação
  2) Estresse
  3) Desmotivação
  4) Falta de concentração
  5) Consumo de bebida alcoólica
  6) Uso de drogas ilícitas
  7) Problemas familiares
  8) Falta de sono
  9) Ingerir alimentos pesados
  10) Uso de telefone para assuntos extra profissionais
  11) Assistir televisão
- Como se manter atenção no trabalho
- Sintomas ou sinais identificadores de cansaço:
  a) Bocejos freqüentes
  b) Dificuldade em manter os olhos abertos e o foco da visão
  c) Dificuldade em lembrar o que fez ou viu nas últimas horas
  d) Cabeça pesada e dificuldade em mantê-la na posição adequada
  e) Adormecimentos momentâneos
  f) Aumentar o volume do radio
  g) Sentir frio
  h) Freqüentes mudanças de uma tarefa inacabada para outra
  i) Com freqüência não atende as solicitações e não segue instruções
- Alem das falhas e esquecimentos constantes o funcionário desatento tem:
  a) Dificuldade na organização de tarefas e/ou atividades
  b) Parece não ouvir quando o chamam
  c) Problemas de memória a curto prazo
- O que deve ser feito para evitar o cansaço durante o serviço?

(Inclui teste de avaliação para participantes e material didático para acompanhamento do treinamento)

Voltar